• Equipe

Relembre os 5 melhores filmes de Jean-Paul Belmondo

O ator francês Jean-Paul Belmondo faleceu nesta segunda-feira aos 88 anos. Belmondo foi uma estrela do movimento cinematográfico francês Nouvelle Vague, um dos mais importantes da história do cinema. De acordo com informações dadas pelo G1 o tidas com o advogado do ator, ele estava muito cansado há bastante tempo e morreu tranquilamente.


Relembre cinco dos melhores filmes da carreira de Jean-paul Belmondo à seguir:


1. "Acossado" (1960)

Após roubar um carro em Marselha, Michel Poiccard ruma para Paris. No caminho mata um policial, que tentou prendê-lo por excesso de velocidade, e em Paris persuade a relutante Patricia Franchisi, uma estudante americana com quem se envolveu, para escondê-lo até receber o dinheiro que lhe devem. Michel promete a Patricia que irão juntos para a Itália, no entanto o crime de Michel está nos jornais e agora não há opção. Ele fica escondido no apartamento de Patricia, onde conversam, namoram, ele fala sobre a morte e ela diz que quer ficar grávida dele. Ele perde a consciência da situação na qual se encontra e anda pela cidade cometendo pequenos delitos, mas quando é visto por um informante começa o final da sua trágica perseguição.


2. "Léon Morin: O Padre" (1961)

A viúva Barny vive com a pequena filha France e é militante do partido comunista durante a Segunda Guerra Mundial. Quando os alemães chegam, ela envia France a uma fazenda e se dirige à paróquia para confrontar o padre Morin com a ideia da inexistência de Deus. Contudo, a reação do padre a surpreende. Barny e Morin são interpretados por Emmanuelle Riva e Jean-Paul Belmondo.


3. "Uma Mulher É Uma Mulher" (1961)

Angela, uma dançarina de cabaré, deseja ter um bebê e tenta convencer seu namorado, Émile, a ir adiante com a ideia, mas ele não concorda. Assim, ela acaba procurando o amigo de Émile, Alfred, para realizar seu desejo.


4. "Técnica de um Delator" (1962)

Quando o assaltante Maurice Faugel sai da cadeia, não perde tempo: ele mata Gilbert Vanovre, um antigo amigo seu e receptor, e rouba o dinheiro de um arrombador de cofres. Logo, Maurice trama um plano ainda mais ousado: ele planeja invadir e roubar a casa de um homem milionário. Para isso ele conta com a ajuda de Silien, o que Maurice não sabe é que Silien é um informante da polícia.


5. "O Demônio das Onze Horas" (1965)

Ferdinand Griffon está entediado com a sociedade parisiense. Certa noite, ele deixa a esposa em uma festa e volta sozinho para casa, onde encontra uma antiga amiga, Marianne Renoir, trabalhando como babá dos seus filhos. No dia seguinte, ele aceita fugir com a bela para o Mediterrâneo, mas o casal vai ser perseguido por mafiosos.


Por: Gabriel Pinheiro

0 comentário